Patricia-Bandeira

Por Patrícia Bandeira – Psicóloga Escolar do Colégio Santa Úrsula

Funções executivas - O que são e como elas podem ajudar meu filho?

          Podemos definir funções executivas como: conjunto de habilidades que irão nos auxiliar na regulação de comportamentos, pensamentos e emoções que nos auxiliarão para atingirmos objetivos que envolvem planejamento e execução de ações de curto e longo prazo. Elas são a base para tudo que a gente precisa aprender, são extremamente importantes para que o nosso cérebro tenha a capacidade de pensar, sentir, agir, refletir e raciocinar da melhor forma. Localizadas no lobo frontal estão intimamente ligadas a nossa capacidade de organização mental, tomada de decisões além de nos ajudar a analisar o que é prioridade.

                Pertencemos à espécie Homo sapiens sapiens (H. sapiens) que deriva do latim e significa “Homem Sábio” ou “Homem que sabe” ou seja, aprender é a habilidade mais importante e inerente à espécie humana, aprendemos o tempo todo. Por isso, quando falamos sobre aprendizagem não podemos deixar de entender o que são e para que servem as funções executivas e vê-las como nossas aliadas nesse processo.

Destacando-se três principais categorias que são:

           1º Controle Inibitório: Capacidade de resistir a uma propensão em fazer algo, e ao invés disso refletir sobre o que seria mais correto e adequado, de modo a evitar arrependimentos futuros.

Exemplos:

  • Ser capaz de continuar realizando uma atividade quando não se sente motivado, pois ainda não domina suficientemente o assunto em questão e isso evoca uma sensação de frustração, exige a habilidade de coibir a vontade de desistir e fazer algo que trará uma sensação de prazer imediato;
  • Falar algo socialmente inadequado ou ofensivo;
  • Comer uma sobremesa quando se deseja perder peso.

             Se ao invés de ceder a vontade de modo impulsivo o jovem conseguir exercer um certo controle sobre sua atenção e ações sem deixar se levar/controlar por estímulos externos, suas emoções ou hábitos estabelecidos, isso o ajudará a uma mudança de rotina e a uma melhora significativa de seu desempenho, diminuindo inclusive níveis de estresse e ansiedade frente a atividades com prazos urgente ou mesmo que exijam dele uma programação/organização de tempo, ajudando-o de modo substancial a identificar por exemplo que atividade deve priorizar e desse modo evitar a procrastinação. 

         Em seu livro Foco, Daniel Goleman diz: “A alta capacidade de autocontrole prevê não apenas notas melhores, como também um bom ajuste emocional, melhores habilidades interpessoais, sensação de segurança e adaptabilidade”. 

          2º Memória de Trabalho: É habilidade de utilizar informações retidas por um curto período de tempo em nosso cérebro, necessária para que possamos perceber as conexões entre coisas aparentemente incoerentes, nela ficam acumuladas as informações relevantes para a solução de um problema. O nosso cérebro só irá armazenar as ideias se elas fizerem sentido, por esse motivo as conexões feitas na memória de trabalho são imprescindíveis.  A atenção tem uma capacidade limitada segundo estudos sendo assim a MT funciona como um filtro que irá levar as informações para a memória de longo prazo.

               Exemplos de situações problema solucionadas pela MT:

  • Analisar sob pontos de vista diferentes soluções para um mesmo problema;
  • Entender e interpretar o que está estudando;
  • Analisar de modo coerente o que é prioridade ou seja organizar de modo consciente o que precisa ser feito primeiro.

            3º Flexibilidade Cognitiva: É a capacidade de pensar de forma diferente e criativa para solucionar e resolver situações levando em consideração mudança de planos e necessidades, adaptando-se quando necessário a novas realidades.

               Exemplos de FC:

  • De que outra forma eu posso responder a uma mesma experiência?
  • Posso superar um problema tentando transformá-lo em uma oportunidade?
  • Que estratégias poderão ser mais eficazes?

          Abaixo, sugere-se algumas estratégias que podem ser estimuladas por pais, responsáveis e professores para garantir um melhor processo de aprendizagem favorecido pelas funções executivas:

  • Incentive o diálogo, pessoas que falam sobre o que e como estão se sentindo, sejam elas crianças ou adolescentes têm menor incidência de doenças físicas e mentais;
  • Estimule a criação de rotina, a organização diária é extremamente eficaz para eliminar as situações que atrapalham a concentração, tão necessária para o processo de aprendizagem;
  • Oriente, quando o adolescente precisar estudar sobre um determinado assunto, sugira que primeiro faça anotações sobre o que ele entende e/ou sabe sobre aquele tema sem antes pesquisar nada sobre, só a partir do próprio repertório;
  • Sugira que antes de ler um material sobre um tema específico, façam anotações sobre o que imagina ser a ideia do autor, o que o mesmo imagina que se trata aquele assunto a partir do título, depois, após a leitura seja feita a correção;

           Explique a esse jovem que só compreendemos até onde vai nosso conhecimento a partir do momento que identificamos aquilo que ainda não sabemos.

              Carol Dweck em seu livro Mindset traz a seguinte reflexão: “Há muita inteligência por aí sendo desperdiçada pela subestimação da capacidade de desenvolvimento dos alunos.”

               A esta afirmação pode-se acrescentar um questionamento. Será que nossos filhos  não estão tendo seus potenciais  diminuídos por não entenderem sobre como funcionam e como agem as funções executivas? Que tal começarmos a orientá-los?

VAMOS JUNTOS?!

Referências Bibliográficas

https://porvir.org/ajude-os-alunos-a-desenvolver-suas-funcoes-executivas/  (Acesso em: 23/07/2021).

GOLEMAN, Daniel Foco: a atenção e seu papel fundamental para o sucesso. Rio de Janeiro: Objetiva, 2017.

SIEGEL, Daniel J. Cérebro adolescente: a coragem e a criatividade da mente dos 12 aos 24 anos. São Paulo: Versos, 2016.

DWECK, Carol Mindset: a nova psicologia do sucesso. 1ªed. São Paulo: Objetiva, 2017.

Colégio Santa Úrsula 2020 ® Todos os direitos reservados.